10 passos para uma lancheira saudável

healthy_lunchbox

1. A lancheira deve ser resistente e lavável. Faça a higienização com álcool assim que a criança chegar da escola, não dispensando a lavagem com água e sabão, no mínimo, uma vez por semana.

2 .Oriente as crianças a evitar o contato direto da lancheira com o chão e a higienizar as mãos antes do consumo dos alimentos.

3. Se a lancheira não é térmica, utilize recipientes térmicos. Os lanches, por exemplo, devem ser embrulhados em papel-filme e depois colocados em potes de plástico. Sucos e leite devem ficam em garrafas térmicas.

4. Converse com os pequenos sobre suas preferências. Reserve um momento para montar um cardápio  junto com elas. Assim, você se programa e ainda pode negociar alguns itens para estimular o apetite.

5. Cuidado com excessos de alimentos industrializados, doces e refrigerantes.

6. Procure colocar uma fonte de carboidratos (pães, biscoitos, barrinhas de cereais), uma de proteína (leite e derivados, frios) e outra de vitaminas e minerais (frutas e suco de frutas).

7. Dúvidas na hora de escolher a bebida? Pois saiba que os sucos podem ser naturais, dê preferencia a não coar, visto que as fibras estão no “bagaço” e não adicionar açúcar. Estes devem ser colocados em garrafas térmicas, protegidos da luz e consumidos o quanto antes para melhor retenção das vitaminas. A polpa congelada perde alguns nutrientes, mas ainda é uma opção melhor do que sucos artificiais, em pó ou em caixinha e aqueles processados com muito açúcar, como os néctares de fruta.

8. As frutas boas são as que podem ser cortadas em pedaços e não escurecem, como mamões e melancia. Uma salada de frutas bem colorida também pode estimular a garotada. Lembre-se de enviar um talher.

9. Uma dica para evitar que o filho se enjoe dos lanches preparados é alternar o tipo de pão. Ofereça pão de forma comum ou integral, pão sírio, bisnaga, pão de leite, torradas e bolos simples, feitos em casa.

10. Para o recheio do lanche, vale apostar em margarina, requeijão, queijo branco, geleia, peito de peru e presunto magro.Não se esqueça de que frios são muito perecíveis. Portanto, compre-os em pequenas quantidades e verifique as datas de validade após abertos.

fonte:http://blog.saude.gov.br/index.php/saudeemdia/32065-97lancheira-pode-ser-a-alternativa-para-um-lanche-saudavel-na-escola
Anúncios

Dieta não, Reeducação Alimentar!

 

O primeiro passo para uma alimentação saudável é a mudança interior, seja você mesmo a mudança que tanto precisa, não faça dieta, faça reeducação alimentar e mude sua vida.

Muitas pessoas acham que fazer dieta é a solução para conseguir o corpo dos sonhos, mas na verdade o ideal é aprender a se alimentar da maneira correta e levar esse hábito para toda a vida.

Muito cuidado com dietas milagrosas que prometem uma perda de peso rápida, pois na maioria existe uma privação de diversos alimentos o que acarreta muitas consequências para seu organismo. Além disso  proporciona o efeito sanfona, onde o indivíduo volta a engordar com a mesma velocidade com que consegue emagrecer, e isso acontece porque o organismo acaba se defendendo da falta de alimentos que ficou durante sua dieta e quando volta a comer normalmente tudo que é consumido passa a ser estocado.

efeito-sanfona-ato-de-emagrecer-e-engordar-repetidas-vezes

Para o controle do peso, não existem fórmulas mágicas nem soluções imediatas e fáceis. Para conseguir resultados satisfatórios e duradouros o mais adequado é a mudança de comportamento. Por isso é importante na Reeducação alimentar e que os exercícios físicos também sejam incorporados na sua nova rotina.

As pessoas levam uma vida toda acumulando peso e quando percebem que precisam emagrecer querem fazer isso rapidamente, mas não é assim ,não existe um milagre, o organismo precisa de tempo para se adaptar , e com isso acabam utilizado tudo que os amigos recomendam, substituem as principais refeições (café almoço e jantar) por shakes,  e transformam a alimentação em algo monótomo comendo sempre as mesmas coisas e com o tempo acabam enjoando e desistem. Voltando ao efeito sanfona.

Na verdade precisamos comer de tudo um pouco, o segredo é comer o mais variado possível, o prato quanto mais colorido melhor…

Por isso é muito importante o acompanhamento profissional adequado, com exames periódicos e um plano alimentar exclusivo, pois cada um apresenta necessidades diferentes, de acordo com sua estrutura corporal.

Fazendo isso por conta própria com a ajuda de pessoas sem nenhuma qualificação você estará trazendo risco a sua saúde ao invés de benefícios. Nem sempre o que é bom para o outro funcionará pra você.

10388122_631475173601868_3141142096938819414_n

Dietas da moda são como a moda, vem e passam, a reeducação alimentar vem, fica e ainda traz bem estar físico e mental, não fique magro(a) para o verão, fique saudável pra você mesmo (a).

Procure um nutricionista.

Fotor0618195551

importância das fibras na alimentação

Fotor0917102146

As fibras são essenciais para um melhor funcionamento do nosso organismo. Inclui-las na nossa alimentação é fundamental.

As principais fontes de fibras são os alimentos de origem vegetal como os grãos integrais, leguminosas, frutas, verduras e legumes. As fibras são essenciais para manter o sistema digestivo saudável.

Beber  água também é muito importante para que as fibras possam desempenhar suas funções, por isso é importante manter uma boa hidratação.

Benefícios

O consumo regular de fibras reduz significativamente doenças como a diverticulite e constipação. Além disso também favorece no controle da diabetes mellitus  e previnem o câncer colorretal. Alimentos ricos em fibra ajudam ainda a controlar o peso, pois exigem mais mastigação o que traz uma maior sensação de saciedade após as refeições.

Mantenha uma alimentação saudável e equilibrada e consuma alimentos ricos em fibras diariamente, seu organismo agradece.

Fotor0618195551

Feijão Enriquecido

Fotor09058547

Olá leitores!

Hoje vou compartilhar com vocês um segredinho para enriquecer o feijãozinho nosso de cada dia.

É difícil quando seu filhinho não quer comer legumes né, (sei bem como é isso), a alimentação fica pobre em nutrientes. Mas não se desespere, tem dica pra te ajudar! Vamos a receitinha…

 Ingredientes

2 xícaras (chá ) de feijão carioquinha

2 cenouras grandes

3 dentes grandes de alho

1 cebola média

1 tomate bem madurinho

cheiro verde à gosto

 Preparo

Deixe o feijão de remolho de véspera, jogue fora essa água e lave normalmente.

Lave as cenouras e coloque inteiras para cozinhar junto com o feijão, (não precisa tirar a casca)

Após o cozimento, abra a panela, retire as cenouras e bata-as no liquidificador com um pouco do caldo do feijão, em seguida despeje de volta na panela.

Doure o alho com a cebola bem picadinha e tempere o feijão, acrescente o tomate picadinho e deixe ferver até que o tomate murche e o caldo fique bem grosso.

Pronto! Agora adicione sal e cheiro verde à seu gosto.

Dica extra: dá pra enriquecer também com abóbora bem madurinha, nesse caso não cozinhe junto com o feijão, cozinhe à parte, bata no liquidificador e junte ao feijão seguindo o mesmo passo.

Sucesso com os pequenos!

Bjinhos nutritivos!

Fotor090491753